Os Fatores Ocultos que Influenciam Toda a sua Vida (PARTE 2)



No artigo anterior, foram mostrados os motivos pelos quais - normalmente - não conseguimos cocriar a nossa realidade de forma mais próspera e feliz. Além de mostrar qual é o primeiro fator que influência o modo como vivemos e enxergamos o mundo de forma extremamente profunda e ampla.


Para saber qual é o primeiro grande fator, é só clicar no link abaixo para ter acesso à um artigo completo sobre ele e para descobrir quais são os três motivos pelos quais não aprendemos sobre isso mais cedo em nossas vidas.


Quero ler o artigo Os Fatores Ocultos que Influenciam Toda a sua Vida (PARTE 1)


Mas agora, vamos dar continuidade no assunto e conhecer quais são os outro quatro fatores que moldam o nosso viver e nem sempre cooperam para a cocriação de uma realidade que nos favoreça.





O Segundo Fator: As Sombras


Até agora nós vimos que todos os problemas se iniciam com crenças distorcidas sobre a realidade. Mudando as crenças, tudo passa a melhorar. Mas até que, identificar as suas crenças, é fácil - pois de uma maneira ou de outra você acaba tendo consciência delas.


Se você fizer uma reflexão cuidadosa, você terá uma ótima visão sobre as sua crenças. Mas e aqueles conteúdos que você não sabe que possui ou que foi reprimido e “jogado para debaixo do tapete”?


À esses conteúdos que você reprime e nega, chamamos de sombra psicológica.


Todo tipo de problema que se repete se esconde na sombra - problemas financeiros, emocionais, profissionais espirituais, relacionais...todos. A sombra psicológica é uma parte do seu inconsciente que contém tudo aquilo que é reprimido (tanto sentimentos negativos, quanto autossabotagem, inveja, ciúme, ódio, desejos não-aceitos conscientemente, etc).


E não é somente aquilo que é negativo. Todo o seu potencial positivo também pode ser jogado para a sombra, além do que é desagradável, preconceituoso, os tabus, tudo que gera ressentimento, traumas, qualquer coisa que a pessoa não queira tomar consciência sobre e sentir é direcionado ao inconsciente e se transforma em sombra.


Indo direto ao ponto: todo ser humano foi emanado para ser feliz, e toda atitude de uma pessoa contrária a esse fluxo natural da vida (que chamamos de fluência divina) cria sombra.


A vida não pode ser contida e os problemas irão aparecer, repetidamente, até que a sombra seja resolvida. Tudo que está na sombra tenta vir à tona, ao consciente, para ser resolvido, trabalhado, integrado a sua personalidade.


A sombra é uma energia viva que precisa ser acolhida e integrada. Quanto mais ela é reprimida, mas irá controlar a vida da pessoa. A sombra tenta se mostrar porque ela quer lhe ajudar, mas como você pode perceber a sua sombra?


Através de atos falhos - aqueles enganos como esquecer um compromisso, esquecer o nome de alguém, trocar palavras, datas. Você projeta aquilo que tem dentro de si. Por exemplo, se você acha que todo mundo é desonesto é porque há desonestidade vibrando em si.


Podemos vê-las também em nossos sonhos. Os sonhos manifestam conteúdos de nosso inconsciente, incluindo as sombras. Podemos perceber as sombras ao surtarmos quando ouvimos alguma coisa que não nos agrada - uma reação emocional exagerada.


Podemos percebê-las em pessoas que sempre estão envolvidas em algum acidente, tombos, que se machucam repetidamente. Ou então em somatizações, porque sintomas e doenças não são causados apenas por fatores externos (como por exemplo um vírus). Eles também podem surgir de fatores internos (por exemplo, o medo de pegar tal vírus).


Podemos enxergar as sombras por meio de expressões artísticas. Por exemplo, alguém que não consegue aprender a dançar, ou não consegue fazer os movimentos da yoga, não consegue desenhar.


Não adianta reprimir os seus sentimentos, ideias, atitudes, comportamentos...nada. Isso tudo reprimido continua aparecendo no dia a dia, em sua vida, como problemas e também como oportunidade - se você quiser.


É importante que lembremos de uma coisa: todo ato negativo também cria sombras, mesmo que você não sinta culpa por isso. Se está contra a vida, haverá sombra.


Outros exemplos de uma vida com sombra: a pessoa não ganha dinheiro, não cresce profissionalmente, entra em relacionamentos abusivos, bate o carro toda hora, somatiza com facilidade, vive sem energia e sem motivação, não cumpre prazos, não para em emprego algum, dentre diversas outras situações.


A sombra tem uma enorme energia que é retirada da energia vital do ser, podendo comprometer a saúde do mesmo - sendo essa a causa das somatizações.


Existe também, além da sombra pessoal, a sombra familiar, coletiva e planetária. Por isso o mundo se encontra desta forma. Apenas saber da existência da sombra não resolver nada, é necessário aceitá-la, dialogar com ela, fazer novas escolhas levando tudo isso em consideração.


Aceitar a sombra, entretanto, não é fazer o que vier na cabeça, mas sim o que está de acordo com o fluir da vida - o que promove crescimento, amor, sabedoria, ajuda ao próximo, felicidade, alegria.


É fundamental enxergar a sua sombra, seja sozinho, através de facilitadores ou por meio de psicoterapia. E depois trabalhá-la, aceitá-la, ela faz parte da sua personalidade. Não pode ser negada, do contrário você ficará fragmentado(a), dividido(a).


A consciência cura a sombra.





O Terceiro Fator: Os Arquétipos



Este é um conhecimento poderoso, que se for aplicado pode solucionar os problemas que foram tratados nesse artigo.


Os arquétipos são consciências vivas que possuem energia e informação, assim como tudo o que existe. Cada arquétipo carrega em si uma energia, de altíssima vibração, e um tipo de informação. E se expressa, em nosso mundo e em nós, de diferentes maneiras.


Eles são como programas, como aplicativos de celular, só que vivos e conscientes. Os arquétipos são as primeiras emanações da Fonte Criadora, e vêm de dimensões superiores e mais sutis da realidade.


Eles habitam o inconsciente coletivo, como explicou Carl Gustav Jung. Influenciam-nos diretamente porque estão implantados em nossa mente individual e coletiva, podendo estar ativados ou não.


A nossa alma anseia por experiências e são os arquétipos que nos levam a desfrutar dessas vivências. Através da vivência de cada um deles, nós podemos ter novas experiências que nos fazem crescer materialmente e evoluir espiritualmente.


Você pode viver através dos arquétipos qualidades universais como justiça, coragem, prosperidade, abundância, paixão, amor, verdade, sabedoria, dentre diversas outras que são essenciais para expandir a sua consciência e para ter uma vida próspera e feliz.


Os arquétipos são extremamente poderosos porque eles carregam energia e informação de alta qualidade, as quais chamamos de virtudes ou qualidades divinas. Você já possui essas qualidade dentro de si, algumas estão ativadas e outras não - isso depende do arquétipo que está regendo a sua vida.


Conhecer quais arquétipos lhe influenciam é uma fonte de autoconhecimento espetacular. Os arquétipos atuam na sua mente desde o seu nascimento, ajudando a moldar de uma forma positiva a sua visão de mundo, suas habilidades, missão de vida, pensamentos, sentimentos e comportamentos.


Conforme a fase da vida, novos arquétipos são ativados em nós e com isso também vamos mudando, ganhando sempre mais informação, complexidade cerebral e expansão da nossa consciência.


Quando reconhecemos quais os arquétipos que estão ativados em nós, e os aceitamos e os vivemos plenamente (sem resistência alguma), nós nos tornamos capazes de expressar o anseio da nossa alma por certas experiências.


Honrar a nossa missão de vida é o antídoto para o sofrimento e o caminho de menor resistência para uma vida mais consciente e abundante.


Por isso os arquétipos podem ser considerados “a chave” para o nosso poder pessoal. Além disso, o conhecimento sobre os arquétipos pode melhorar os nossos relacionamentos em todos os níveis - amorosos, familiares, profissionais - já que cada pessoa é regida por um ou mais arquétipos que podem ser reconhecidos através de uma ferramenta, como o Mapa Arquetípico®.


Conhecer a influência dos arquétipos nas pessoas do seu convívio, permite que você saiba qual a visão de mundo delas, quais são as suas habilidades, suas dificuldades, o motivo de seus comportamentos...isso pode melhorar muito a compreensão e a dinâmica de seus relacionamentos.


Aos descobrir quais arquétipos regem a sua vida, você entra na essência do seu ser. Quando ativa novos arquétipos em si, passa a ter acesso à padrões universais que têm a capacidade de expandir a sua visão de mundo e levar você rumo à evolução - tanto no campo material como no espiritual.


É muito importante ter em mente que não existem arquétipos bons ou ruins, todos precisam ser vivenciados, mais dia ou menos dia, para que tenhamos uma consciência bem expandida.


Os arquétipos são o que eles são, nós é que temos essa visão polarizada da vida e classificamos algo como bom ou ruim, positivo ou negativo, certo ou errado. Quem quer uma vida extraordinária precisa transcender essa dualidade.


Eles são modelos, guias interiores que a Fonte disponibiliza para nós para que possamos viver da melhor maneira possível - com sucesso, alegria e auto-realização. Portanto, é preciso derrubar tabus e preconceitos sobre essa questão de arquétipo positivo ou negativo.


O melhor a se fazer é procurar, dia após dia, integrar todos os aspectos luminosos dos arquétipos em sua vida e vencer os desafios que eles trazem consigo, a começar pelo arquétipo regente e depois ir ativando os outros, um a um.





O Quarto Fator: O Karma


Tudo o que você pensa e sente, consciente ou inconscientemente, você cria em sua realidade pessoal e isso é inevitável. As tradições orientais chamam isso de karma.


Karma é o efeito de uma ação, a lei do retorno. Você pode estar colhendo agora os resultados do que plantou de bom ou de ruim, nesta vida ou em vidas passadas. Mas o que fazemos com a karma negativo?


É simples. Criamos karma positivo através do estudo, do trabalho e da ajuda ao próximo. Por isso trabalhar com os arquétipos é fundamental, pois através das virtudes deles temos a oportunidade de criar karma positivo.


Lembre-se: tudo o que emitimos, volta para nós. Tudo o que semeamos, colhemos. Esse é um fato que demonstra como o Universo funciona.


Tudo na vida depende desse entendimento, a sua prosperidade, a sua saúde, os seus relacionamentos, o seu sucesso, a sua auto-realização.





O Quinto Fator: Obsessores


O últimos fator oculto se refere às energias intrusas que podem lhe atingir, como por exemplo a inveja, a magia negra ou maldição familiar. Como fazer para se proteger de tais energias negativas, que podem atrapalhar (e muito!) a sua vida?


Fácil. Vibrando positivamente, escolhendo pensamentos, sentimentos, palavras e ações positivas, fazendo o bem, sendo alegre, pensando no coletivo e não só em si mesmo(a). Aqui também entra o trabalho com os arquétipos.


Eles nos estimulam para o crescimento e para a felicidade, isso faz com que a nossa frequência e vibração aumentem - isso se nós permitirmos que eles atuem através de nós.






Reflexão



Se você chegou até aqui, já deve estar entendendo que o caminho para uma vida extraordinária, próspera e feliz é:


  • identificar quais são as suas crenças limitantes e trocá-las por outras mais expansivas, que estejam mais alinhadas com a verdade como o Universo funciona. Melhores crenças, melhores resultados;

  • identificar qual é a sua sombra, aceitá-la e integrar essa parte de você à sua personalidade. Sem trabalhar a sombra não há como viver o seu potencial ao máximo e nem atingir a iluminação espiritual;

  • identificar qual é o seu arquétipo regente, permitir que ele trabalhe com você e lhe guie pelos melhores caminhos, intuir sobre as melhores escolhas, criando karma positivo em sua vida.

  • ativar outros arquétipos para que você tenha cada vez mais recursos, viver com mais consciência, mais poder pessoal, energia, sabedoria e prosperidade. Diminuindo assim a chance de você sofrer ataques espirituais.


Esta é a chave do sucesso em todas as áreas da vida.


E agora eu te pergunto: como seria viver uma vida assim? Longe de problemas repetitivos, crescendo cada dia mais, sentindo-se motivado(a), sem preocupações, ansiedade ou depressão?


Você se sentiria mais livre? Mais feliz e mais realizado(a)?


O caminho da iluminação pode ser percorrido por você. Mas quando você está acompanhado, fica mais suave. Tentar seguir esse caminho de maneira solitária é desanimador, sozinho demora mais e ficamos sem parâmetros para medir os nossos resultados.


Eu acredito que viver bem é arte e ciência, porque é um método que pode ser seguido por diferentes pessoas, e se obter resultados positivos em qualquer área da vida.


Para aprender um pouco mais sobre o seu inconsciente e as forças que o regem, o Mapa Arquetípico® é uma excelente oportunidade de se conhecer mais profundamente. Com essa ferramenta você poderá ter conhecimento sobre como viver os aspectos-luz do seu arquétipo regente e como trabalhar os aspectos-sombra que cria ao negá-lo.



Se quiser fazer seu Mapa Arquetípico®, acesse o link:

https://www.artetipos.com/euqueroomapaarquetipico



E se você deseja receber mais informações sobre esse e outros importantes temas, inscreva-se para receber conteúdos em primeira mão.


Abraços fraternos,

Dra. Mabel Cristina Dias

88 visualizações
  • Facebook
  • YouTube
  • Grey Instagram Ícone

© 2019 Artétipos - MABEL C. DIAS CONSULTORIA EPP - Todos os direitos reservados.

| Fale conosco - contato@artetipos.com | Tel: (11) 9.4240-0110